Biologia Marinha: o que fazer e como fazer

O mergulho é uma das atividades que fazem parte do dia-a-dia do biólogo marinho. Fonte: NOAA's National Ocean Service (Domínio Público).

 

 

O QUE FAZER COMO BIÓLOGO MARINHO?

 

Existem diversos motivos que levam alguém a se tornar um biólogo marinho. A carreira é bem interessante porque está relacionada diretamente com o mar e a biodiversidade marinha, uma vez que o mar desperta curiosidade em pessoas de todas as idades, por ser misterioso, imenso… e pelos seres marinhos serem, em grande parte, tão diferentes daqueles que conhecemos “aqui fora”, em terra firme. Assim como no curso regular de Biologia, existem diversas áreas onde o biólogo marinho pode atuar. Esse profissional pode exercer atividades como:

  • Pesquisador/docente em universidades;

  • Trabalhar em projetos de preservação e reabilitação de animais marinhos;

  • Atuar em projetos de proteção ambiental e recuperação de áreas degradadas;

  • Trabalhar em projetos de educação ambiental sobre o ambiente marinho;

  • Fazer pesquisa, monitoramento e análise laboratorial de praias e manguezais;

  • Entre outras atividades.

 

O mercado de trabalho está se mostrando favorável aos biólogos marinhos, sendo possível encontrar oportunidades em diversas instituições, como:

  • Universidades e centros de pesquisa;

  • Empresas de ecoturismo;

  • Grandes projetos governamentais e privados de conservação marinha;

  • Empresas da área de pesca e culturas marinhas;

  • Empresas exploradoras de recursos minerais em solo marinho;

  • Entre outras instituições.

 

 

COMO FAZER BIOLOGIA MARINHA?

 

Como qualquer profissional da área de Ciências Biológicas, o biólogo marinho requer atualização e estudo contínuo, investimentos em cursos e especializações, para que possa sempre se manter competitivo no mercado de trabalho.

 

É importante que a pessoa que pretende atuar nessa área, entre em contato com outros profissionais já ativos, para que seja possível saber mais detalhes sobre o leque de áreas em que se pode trabalhar, ou até mesmo se aprofundar e acompanhar mais de perto algum assunto na área que seja do seu interesse.

 

O curso de Biologia Marinha não é encontrado em todas as universidades, apenas algumas instituições no Brasil o oferecem. A seguir, mostramos uma lista como exemplo (se souber de mais alguma, escreva-nos ou deixe um comentário):

  • Unesp – Campus Experimental do Litoral Paulista (São Vicente-SP);

  • UNISANTA – Universidade Santa Cecília (Santos-SP);

  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (Ilha do Fundão, Rio de Janeiro-RJ);

  • Faculdades Integradas Maria Thereza – FAMATH (Niterói-RJ);

  • Universidade Federal Fluminense (Niterói-RJ);

  • Univille – Universidade da Região de Joinville (Joinville-SC);

  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Imbé-RS);

  • Entre outras instituições.

 

Entretanto, para ser biólogo marinho você não precisa necessariamente cursar uma faculdade específica de Biologia Marinha. Você também pode cursar Biologia e se especializar na área marinha, como fez o Prof. Douglas Peiró, da Bióicos Biologia Marinha.

 

 

FORMAÇÃO CONTINUADA EM BIOLOGIA MARINHA

 

Durante a faculdade é importante que os estudantes busquem por outros mecanismos capazes de auxiliar na sua formação, porque as atividades extracurriculares contribuem e muito para o seu desenvolvimento. Ainda, é importante se dedicar no aprendizado de outros idiomas, porque quanto mais preparado o profissional estiver para o mercado de trabalho, melhores serão as suas chances.

 

Se você possui interesse em trabalhar na área da Biologia Marinha, é importante lembrar que é necessário fazer uma graduação em Biologia ou Biologia Marinha. Após a formação inicial, recomenda-se fazer cursos de extensão universitária e pós-graduação: especialização, mestrado e doutorado.

 

Se você possui interesse em atuar nessa área, não desista, vá atrás! Busque seus objetivos. Mantenha-se atualizado e em constante formação!

 

O Projeto Biologia Marinha Bióicos oferece cursos de extensão para todos os níveis: pessoas interessadas em conhecer melhor a área marinha, alunos de Biologia que buscam por atividades extracurriculares e experiência em campo e biólogos formados que querem se preparar melhor para o mercado de trabalho. Para saber mais, acesse a área de cursos do site.

 

 

Bibliografia

 

GUIA DO ESTUDANTE. Como posso trabalhar com Biologia Marinha? Disponível em: <http://guiadoestudante.abril.com.br/orientacao-profissional/como-posso-trabalhar-com-biologia-marinha/>. Acesso em: 09 fev. 2017.

 

TODA BIOLOGIA. Biólogo: o trabalho do biólogo, áreas de atuação profissional, profissão. Disponível em: <http://www.todabiologia.com/biologo.htm>. Acesso em: 09 fev. 2017.

 

TODA BIOLOGIA. Curso de Biologia Marinha (Graduação): disciplinas, objetivos do curso de graduação, o que estuda, atuação do profissional formado na área, biólogo marinho. Disponível em: <http://www.todabiologia.com/curso_biologia_marinha.htm>. Acesso em: 09 fev. 2017.

 

EU QUERO BIOLOGIA. Quero cursar Biologia Marinha: o que devo fazer? Disponível em: <http://www.euquerobiologia.com.br/2014/01/quero-cursar-biologia-marinha-o-que.html>. Acesso em: 09 fev. 2017.

 

PROJETO BIOLOGIA MARINHA BIÓICOS. Disponível em: <www.bioicos.com.br>. Acesso em: 09 fev. 2017.

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Seja um apoiador da revista!

 

Para continuarmos nosso trabalho, estamos lançando uma campanha de financiamento coletivo na plataforma Catarse.

 

VOCÊ PODE SER UM APOIADOR PATROCINADOR desta missão sendo assinante mensal!

Acesse o link e apoie essa ideia! ✅✅✅

Revista Biologia Marinha: um oceano de conhecimento! ✅🌊

Receba os artigos gratuitamente!

© 2019 por Projeto Biologia Marinha Bióicos